São Paulo - região metropolitana

De graça: festival recria sensação de lazer na praia na cidade de São Paulo

Por Renata Sá, repórter do Esportividade

Aula de hidroginástica em centro esportivo de São Paulo (Arquivo Seme)

Imagine, após uma semana estressante de trabalho e estudo, poder relaxar em uma cadeira de praia sob um guarda-sol, dar um mergulho em uma piscina ou mesmo ficar apenas deitado em uma boia dentro da água. Ou, quem sabe, aproveitar a estação mais quente do ano, o verão, para praticar algum esporte na areia – e o melhor: tudo de forma gratuita. Essa é a proposta do Festival de Verão Praia São Paulo, que, pelo segundo ano consecutivo, do dia 2 de fevereiro ao dia 24 de março de 2024, às sextas-feiras, aos sábados e aos domingos, das 9h às 17h, oferece atividades de lazer em centros esportivos espalhados pela cidade, no parque Praia do Sol e no parque Dom Pedro (excepcionalmente, as atividades do Dom Pedro começarão mais tarde, no dia 9 de fevereiro, e terminarão mais cedo, no dia 3 de março de 2024).

O evento, promovido pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Seme), faz parte de uma ação da pasta que, nesta segunda edição, dividiu a capital paulista em lotes. Por exemplo, a Aprel (Associacão Paulistana de Recreação, Esporte e Lazer), entidade responsável pelas atividades no “lote zona sul” de São Paulo, recebeu R$ 3.687.225; já a Fifos (Federação Internacional de Football Soccer Society), responsável pelo “lote zona oeste”, obteve o aporte de R$ 3.699.921,60.

Jovens jogam vôlei de praia em centro esportivo de São Paulo (Arquivo/Seme)

Os centros esportivos (veja lista abaixo) oferecerão estrutura para a prática de esportes de areia – além de brinquedos infláveis e boias para as áreas das piscinas. O Pelezão, na Lapa, um dos CE que acolhem o festival, conta com um site de agendamento online (clique aqui). Nos demais, basta comparecer pessoalmente aos locais das atividades.

SUP na represa Guarapiranga (Divulgação)

No parque Praia do Sol, na represa de Guarapiranga, serão realizadas atividades do tipo “pé na areia”, tais como beach tennis, beach soccer e futevôlei, e aquáticas, como stand up paddle, veleiro, banana boat, bote inflável, caiaque, canoa havaiana e pedalinho.

Além das atividades esportivas, haverá palestras às sextas-feiras, com nomes renomados, como os surfistas Ricardo Fontes de Souza (Rico) e Leco Salazar e o velejador medalhista olímpico Lars Grael.

Já no parque Dom Pedro, na região central, a estrutura montada ficará em frente ao Museu Catavento, e os paulistanos poderão participar de torneios de beach tennis, beach soccer (futebol de areia), futevôlei e vôlei de praia; ocorrerá ainda uma ação com clínicas gratuitas com professores, que vão estar à disposição para explicações sobre a prática de modalidades de areia.

Fique de olho no site da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (clique aqui) para saber mais informações.

Estes são os endereços dos centro esportivos municipais:

Ceret: rua Canuto Abreu, s/n; Jardim Anália Franco (zona leste)

CE Tatuapé: rua Apucarana, 233; Tatuapé (zona leste)

CE Tiquatira: avenida Governador Carvalho Pinto, 2; Tiquatira (zona leste)

CE Vila Curuçá: rua Grapira, 537; Vila Curuça Velha (zona leste)

CE Náutico Guarapiranga: avenida dos Funcionários Públicos, 2501; Jardim Horizonte Azul (zona sul)

CE Ipiranga: praça Nami Jafet, 45; Ipiranga (zona sul)

CE Lapa: rua Belmonte, 957; Alto da Lapa (zona sul)

CE Pirituba: avenida Agenor Couto de Magalhães, 32; Vila Pirituba (noroeste)

CE Jardim São Paulo: rua Viri, 425; Jardim São Paulo (zona norte)

Leia também:
Muito além do beach tennis: conheça atividades ‘pé na areia’ disponíveis em ClassPass

Deixe seu comentário


Enviando esse comentário estou ciente da política de privacidade deste SITE JORNALÍSTICO.